Total de visualizações de página

Seguir por E-mail

Pesquisar no Site

Postagem RecenteTodas as Notícias recentes que você precisa saber

Vera Cruz vence o Mistura e conquista o bi-campeonato na 5ª edição da Copa Poty 2019


Não faz muito tempo, apenas um ano, e a equipe do Vera Cruz está tomando gosto de ser campeão. Não fez uma excelente fase de grupos, mas foi vencendo, empatando, e muitas vezes precisou dos pênaltis para passar de fase, mas esta dúvida se apagou no jogo decisivo com a vitória inquestionável sobre o Mistura, por 2 a 1, neste domingo (15), no campo II da Cidade das Crianças, para conquistar o titulo e o bicampeonato da Copa Poty Série A.

 

No inicio, um jogo tendencioso para equilíbrio, o Mistura, dono de melhor campanha pensou em tocar horizontalmente e manter a posse de bola.  O Vera Cruz ao contrario, passou a dominar e ser incisivo na busca pelo gol.  Teve domínio, principalmente em seu meio campo.  Destaque para o meia Renato e o volante Diogo, ambos se uniram e barraram a criação do Mistura que tinha como base o meia Luiz Fernando e Ademir.

 

O primeiro tempo ficou sem abertura de contagem, apenas bola na trave do grande goleiro Alex e muitas chances perdidas pelo Vera Cruz. O Mistura procurou se defender e contra atacar, mas não repetiu as mesmas atuações dos jogos eliminatórios e nem das semifinais, mesmo assim, era um time perigoso, principalmente em bolas paradas.

 

Na segunda etapa, o desenho não mudou, o Vera Cruz continuou marcado como nunca, e pressionando sempre em busca primeiro gol. O técnico Nelsinho fez mudanças no Mistura, mas o setor de criação não fluía, assim não havia nenhum perigo para o goleiro Guilherme. Aos 12 minutos lançamento em profundidade e chute que o goleiro Alex rebateu que na dividida a bola sobrou para Diego Leonel que empurrou para o fundo das redes fazendo 1 a 0 Vera Cruz.

 

O partir do gol, o jogo ficou mais pegado, faltas constantes e mudança de postura do Mistura que logo adiantou suas linhas e foi em busca do empate.  Realmente começou a criar problemas e oportunidades, até reclamou de pênalti duvidoso, mas nada de concreto. A mudança tática deixou o time azul bastante exposto no setor defensivo e o Vera Cruz começou aproveitar disso.  Bolas em profundidade nas costas da zaga passaram a se uma constante.  Não demorou e o meia Cambista recebe na cara do goleiro Alex e não vacila, toca por cobertura e faz 2 a 0 Vera Cruz.

 

Estava decidido, claro que não, o jogo só termina quando o juiz apita o final, o Mistura continuou indo pra cima e a poucos minutos do final, o meia Luiz Fernando sofreu pênalti. Ele mesmo cobrou e diminuiu para 2 a 1, mas o Vera se fechou e como já estava nos acréscimo, foi cauteloso até o apito final do arbitro Paulo Estevão.  Ai foi só comemorar e gritar é bicampeão, bicampeão, quebrando e derrubando a escrita de que nenhum time conseguiu vencer dois campeonatos seguidos na Copa Poty Série A.   

No dia da Mulher, homem agride namorada no motel e é preso pela PRF na BR 153

 


No dia dedicado para homenagear as mulheres, uma mulher foi vítima de violência em São José do Rio Preto. Um homem de 29 anos foi preso em flagrante após agredir a namorada de 21 anos dentro de um motel, localizado nas margens do km 69 da BR-153.

Policiais abordaram o veículo do homem em frente da base operacional da Polícia Rodoviária Federal (PRF). E verificaram que ele estava com as mãos ensanguentadas. Indagado ele confessou que brigou com a namorada no motel e deu um soco no espelho, ferindo-se naquele momento as mãos.

Imediatamente os policiais mantiveram contato com o motel, quando foram informados que a mulher ainda estava lá e que sofreu agressões por parte do homem que a acompanhava. A equipe buscou a mulher e apresentou a ocorrência na Central de Flagrantes da Polícia Civil de São José do Rio Preto.

Na Delegacia constataram que o homem estava embriagado e foi preso por embriagues ao volante e violência contra a mulher. Além disso, ele possuía contra si mandado de prisão expedido por ameaça. Os nomes dos envolvidos, para preservar a dignidade, principalmente da vítima, não foram divulgados pela PRF.

PARCEIROS

SOCIAL

REGIÃO